O QUE FAZER NA GESTÃO DE PESSOAS FRENTE A REVOLUÇÃO INDUSTRIAL 4.0

É importante esclarecer que, você, mesmo que não atue na área industrial, as mudanças que ela tem, impactam os setores de serviços e comercio, visto a relevância das aplicações das práticas industriais, ao longo da história, nas outras áreas do mercado. Não se tem muita certeza dos reais impactos do novo tempo da atuação industrial no mercado, mas se sabe que não se passará ileso a atuação e a visão do mundo mercadológico pelas renovações que se fizeram necessárias nos times das industrias e das produções em massa. Há na literatura um esclarecimento sobre os pilares das mudanças na indústria 4.0, sendo eles:

1 – Internet das coisas: relação entre coisas (produtos, serviços, lugares) e pessoas, por meio de plataformas e tecnologias conectadas, gerando soluções cada vez mais inovadoras e adaptadas as demandas do consumidor;

2 – Segurança cibernética: meios de comunicação cada vez mais confiáveis e sofisticados, afinal, todas operações, nos vários nichos de mercado estão integradas e são dependentes da rotina de grandes navegações na internet;

3 – Big Data Analytics: são estruturas de dados extensas e complexas que utilizam novas abordagens para captura, análise e gerenciamento de informações que mudam a forma como tratamos pessoas e processos, sendo cada vez mais integrado com a operação dos vários momentos da empresa e com a capacidade de, associados ao Business Intelligence traduzir cenários de forma ágil e assertiva;

4 – Computação em nuvem: banco de dados capaz de ser acessado de qualquer lugar do mundo em milissegundos, por meio de dispositivos conectados à internet, permitindo além da conexão de dados, transição de processos de trabalho e atividades cada vez mais assertivas para o sucesso da organização, mesmo que com times remotos espalhados em diferentes geolocalizações;

5 – Robótica avançada: robôs mais adaptáveis e flexíveis, seja para operação industrial, para ajuste comercial ou ainda para vida rotineira, tal mudança ajusta nossa forma de vida para dedicarmos mais ao pensamento complexo e operações lógicas para desempenhos cada vez mais eficientes na vida e no trabalho;

6 – Inteligência Artificial: a “computadorização” do pensamento, através da inteligência artificial permite operações mais enxutas e em contraponto, um processo de alinhamento cada vez maior dos times a sistemas complexos que carecem de alimentação de informação adequada.

Apesar dos avanços da indústria 5.0, no Brasil, há alguns limitadores que precisam de atenção. Segundo a Confederação Nacional da Industria o maior problema para que a Indústria 4.0 seja implantada no Brasil está no conhecimento ainda muito abaixo do que se deve esperar. Os dados obtidos através das pesquisas apontam que 48% das indústrias brasileiras utilizam ao menos uma tecnologia, se comparado as grandes empresas esse valor sobe para 63% e em relação as pequenas empresas cai para 25%.

O papel da gestão de pessoas nesse processo é de viabilizar mão-de-obra adequada para operação do novo momento da indústria e se preparar para compreender os impactos que esse processo de mudança trará a rotina do colaborador. Desde o processo seletivo até o fim da jornada do colaborador, cada vez mais podemos ser assertivos e configurar nossa operação para que haja momentos de foco na rotina de mudanças do colaborador considerando o mercado e suas transições.

Empresas com times de desenvolvimento organizados e preparados para o novo momento da indústria, se tornam vanguardistas e largam na frente quando o assunto é inovação. No Brasil a Volkswagen do Brasil utiliza desde 2008 os conceitos da indústria 4.0, impactando na rotina das concessionárias, revendas e mecânicas espalhadas no território nacional. A Bosch obteve aumento de 25% em sua produção de Sistema de Frenagem Automática (ABS) e do Programa de Estabilidade Eletrônica (EPS), tal melhoria foi resultado da implantação de linhas inteligentes conectadas. A Bosch é outra marca que impacta diretamente na atividade comercial, ampliando as fronteiras da revolução industrial para outras operações.

Mas o que fazer para que a gestão de pessoas responda as demandas da indústria 4.0?

É necessário que integremos todos os processos de seleção, treinamento e desenvolvimento, qualidade e vida no trabalho, dentre outros a rotina de softwares adaptados as demandas da organização, viabilizando assim uma maior assertividade no processo de trabalho e ainda maior capacidade de operação em tempo real. A descentralização dos processos, operação de sistemas orientados ao serviço e uma presença do gestor de recursos humanos na compreensão e operação do negócio altera a percepção sobre o modus operante e as prioridades da operação.

Quando pensamos em uma pós-graduação de Psicologia Organizacional e Gestão de Pessoas com foco em resultados, estruturamos uma grade que abarcasse ao aluno os vários processos de cuidado e promoção da qualidade de vida do colaborador. A assertividade de tais processos permite alcançar a entrega necessária para que haja desenvolvimento da carreira, qualidade na experiencia do colaborador e alinhamento do profissional de gestão de pessoas com as demandas existentes e emergentes no mercado.

Fonte: Sakurai, R., & Zuchi, J. D. (2018). AS REVOLUÇÕES INDUSTRIAIS ATÉ A INDUSTRIA 4.0. Revista Interface Tecnológica, 15(2), 480–491. https://doi.org/10.31510/infa.v15i2.386

Se interessou pelo assunto né! Isso é fantástico!

Uma excelente oportunidade para os profissionais da área se especializarem e se aprimorarem em suas habilidades, conhecimentos e terem o melhor da prática! Através dessa modalidade de ensino, você têm a chance de aprofundar seus estudos em áreas específicas da psicologia, como psicologia clínica, psicologia organizacional, psicologia social, entre outras.

Além disso, a pós-graduação em psicologia é uma maneira de expandir suas oportunidades de trabalho e de desenvolvimento profissional, uma vez que muitas instituições e empresas valorizam profissionais com formação especializada.

Nesse sentido, a pós-graduação em psicologia pode ser uma ótima opção para quem busca se destacar no mercado de trabalho e aprimorar suas técnicas, habilidades e conhecimentos em áreas específicas da psicologia.

Para saber mais sobre o tema, venha fazer parte de nossa pós graduação. Com mais de 360 horas de estudos práticos e supervisões, você terá acesso a profissionais com vasta experiência prática que lhe formam para lidar com esta etapa da vida.

Venha se aprofundar mais sobre esse tema tão delicado e necessário, convidamos você a conhecer um pouco mais sobre a nossa pós-graduação em Gestão de Pessoas e Psicologia Organizacional com Foco em Resultados.

A nossa pós é coordenada por dois grandes profissionais atuantes:

Dr. Danilo SuassunaDoutor em Psicologia e CEO-Founder do Instituto Suassuna

Me. Caio Fábio MartinsMestre em Psicologia / Consultor de Desenvolvimento Humano e Coordenador da Pós-Graduação em Gestão de Pessoas do IS.

 

 

Deseja saber mais? Entre em contato conosco:

Telefone: (62) 98142-6789

E-mail: [email protected]

Venha transformar o futuro com o IS! 

 

Facebook
Twitter
LinkedIn

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Disortografia

Você está verificando o caderno da criança e se depara com vários erros de palavras escritas incorretamente, erros gramaticais, letras omitidas, palavras escritas com erros

Leia mais »